Rádio continua o sendo o segundo veículo de comunicação na preferência dos brasileiros

O rádio mais uma vez permanece como o segundo meio de comunicação mais utilizado no País, ficando atrás apenas da televisão que é utilizada por 95% da população.  Isso é o que mostra a Pesquisa Brasileira de Mídia 2015 realizada pela Secretária da Comunicação da Presidência da República divulgada nesta sexta feira, 19.

Porém seu uso contínuo caiu na comparação com a PBM 2014 (de 61% para 55%). Em compensação, ótima notícia venho. Houve um aumento considerável no número de pessoas que declarou ouvir rádio diariamente, de 21% em 2014 para 30% em 2015, apesar de 44% declararem que nunca o fazem.

Ao contrário da televisão, o hábito de ouvir rádio ocorre, principalmente, no período da manhã, em especial das 6h às 9h. A maior parte dos entrevistados (63%) afirmou que a principal razão para a escolha do meio é a busca por informação.

O levantamento também apontou que as emissoras FMs são as preferidas por 74% dos brasileiros, enquanto 14% declararam gostar mais das AMs. No entanto, diferenças regionais e sociais influenciam na decisão. Moradores do Sul do País ouvem mais rádios AMs (22%) do que a média nacional, assim como as pessoas com escolaridade até a 4ª série do ensino fundamental (25%). As FMs são as preferidas pelos brasileiros com ensino médio (81%) e superior (83%).

Além disso, a maior parte dos entrevistados afirmou ouvir rádio enquanto realizam outras atividades, como tarefas domésticas ou quando se alimentam. Apenas 16% disseram ouvi-lo exclusivamente.